<$BlogRSDUrl$>

quinta-feira, outubro 26, 2006


BELISCÃO

Ingredientes:
3 ovos
1 colher (chá) de fermento, em pó
1 pitada de sal
2 colheres (sopa) de açúcar
3 xícaras (chá) de farinha de trigo
300 g de goiabada
açúcar, o quanto baste para polvilhar

Modo de preparo:
1. Coloque 2 xícaras (chá) de farinha num recipiente. Acrescente os ovos, o fermento, o sal, o açúcar e misture bem. Acrescente a farinha restante, aos poucos, e continue amassando até obter uma massa lisa e uniforme.

2. Embrulhe a massa em filme plástico e deixe descansar por cerca de 1 hora.

3. Unte uma assadeira grande com manteiga e farinha de trigo. Ligue o forno em temperatura média (180 graus).

4. Polvilhe uma superfície limpa e lisa com farinha de trigo. Abra a massa com um rolo (cerca 2 mm de espessura). Corte a massa em quadradinhos (4x4cm). [quem não tem rolo se vira com uma garrafa de cerveja limpa e vazia - e pra quem é cervejeira aproveita pra beber antes de fazer os beliscões. é por isso que nunca comprei rolo. lol!]

5. Corte a goiabada em fatias (1 cm); as fatias em tiras (0,7 cm). As tiras não devem ter um comprimento maior que 4 cm. [vai por mim, já deixe a goiabada cortada antes de começar.]

6. Distribua uma tira de goiabada sobre cada quadradinho. A tira deve ser colocada na diagonal de cada quadrado, ou seja, ir de uma ponta à outra extrema.

7. Com as duas pontas da massa restantes, puxe-as e una as duas bem no centro do quadrado. Para que fiquem bem unidas, aperte bem as duas pontas. [por isso que chama beliscão.]

8. Distribua os beliscões sobre a assadeira untada, deixando um espaço entre eles.

9. Leve as bolachinhas ao forno pré-aquecido por cerca de 30 minutos ou até que fiquem dourados. Não se preocupe com o fato de grande parte da goiabada derreter. [esse é o segredo do doce! se a goiabada não derreter é porque é feita de chuchu e corantes...]

10. Retire as bolachinhas do forno e espere esfriar. Se quiser, polvilhe açúcar sobre os beliscões e sirva [ou coma :o) é bom quente, frio, no dia seguinte... *slurpt* dá mais ou menos 10 dúzias de beliscões.]

http://www.hikawa.com.br/2005_09_01_batata.html (acesso em 26 de Outubro de 2006)

Comments:
Obrigada, Mano. Até estou comovida (....A marmelada não dá ?)....
 
Fazes e mandas aqui para o pessoal provar.

Mainada!
 
E isso come-se?
Saudações!
 
Tive saudades das tuas beliscaduras com goiabada, ou não !
 
««««mini------spam»»»
O caminho a seguir é o SEPARATISMO ÉTNICO:
------> 1) um espaço ( 50% ) de Competição Global;
------> 2) outro espaço ( 50% ) de Reserva Natural: para a preservação das Identidades Étnicas Autóctones.
{ ver: separatismo-50 }


NOTA 1:
O Espaço de Competição Global (50%) será para aqueles europeus (a maioria: Parasitas Engenhosos -> vulgo Parasita Branco) que:
-1- Pretendem andar no Planeta a curtir mão-de-obra servil imigrante ao 'preço da chuva'...
-2- Pretendem andar no Planeta a curtir a existência de alguém que pague as Pensões de Reforma [apesar de... nem sequer constituírem uma Sociedade aonde se procede à Renovação Demográfica!!!]

NOTA 2:
O Espaço de Reserva Natural (50%) será para aqueles europeus (uma minoria) que pretendem estar no Planeta - com dignidade, coragem e determinação - a Lutar pela Sobrevivência da SUA Identidade.


ABRAM OS OLHOS:

Exemplo 1:
Ao mesmo tempo que falam dos problemas ambientais existentes no Planeta... os Parasitas Engenhosos [com o objectivo de branquear a sua Parasitagem no Planeta] são INTOLERANTES para com a existência de Sociedades Alternativas {1- Sociedades de Responsabilidade Demográfica; 2- Sociedades de Responsabilidade Ambiental,... ou seja: Estados Étnicos para a preservação das Identidades Étnicas Autóctones -> Reservas Naturais de Povos Nativos}...... pois...... a Ocupação da Europa por outros Povos - SUBSTITUIÇÃO POPULACIONAL - deve ser considerada um processo «perfeitamente natural»...... e não...... o resultado da acção de um Bando de Parasitas (vulgo Parasita Branco) que pretende andar no Planeta a Curtir à custa dos OUTROS.

Exemplo 2:
Veja-se aquilo que aconteceu na Bélgica:
-> Face ao crescimento do partido Separatista Vlaams Belang... a Parasitagem Engenhosa belga desatou a naturalizar imigrantes (e filhos de imigrantes) em 'quantidades industriais'!... Pois... os imigrantes (e filhos de imigrantes) são uns Predadores Insaciáveis que ambicionam ter o Caminho Livre para Ocuparem e Dominarem mais e mais novos territórios!... Logo... irão combater o Separatismo Étnico Autóctone.

CONCLUSÃO: O caminho a seguir não é andar a 'lamber-as-botas' à Maioria (vulgo Parasitas Engenhosos)... mas sim ... declarar 'guerra' à Maioria (vulgo Parasitas Engenhosos)!... Ou seja: reivindicar o LEGÍTIMO Direito ao SEPARATISMO!!!


NOTA:
- Todos Diferentes!... Todos Iguais!...
---> Isto é, todos os Povos do Planeta - inclusive os de menor rendimento demográfico, inclusive os economicamente menos rentáveis - devem possuir o Legítimo Direito de ter o SEU espaço no Planeta -> em particular, devem existir Espaços de Reserva Natural para a preservação das Identidades Étnicas Autóctones.
 
Apertar as pontas, não dói ?
 
é uma dor boazinha
 
Só tenho mesmo que acreditar :-)
 
Enviar um comentário